O Grupo de Estudos sobre Criatividade em Música é formado por uma equipe multidisciplinar representando as áreas de sociologia, pedagogia, história e psicologia. É liderado pelo músico Dr. Luciano da Costa Nazario e conta atualmente com o apoio do historiador Dr. Daniel Porciuncula Prado, o historiador e sociólogo Ms. Tiago Larrosa, a pedagoga Charlise Pereira e Silva e os estudantes do curso de psicologia Alex Sandro Rodrigues Martins e Maiky Jhones do Amaral Mendes. O grupo foi criado em novembro de 2017 e tem por objetivo compreender a complexidade dos fenômenos envolvidos tanto no desenvolvimento quanto na inibição da criatividade em música. Busca-se obter, assim, uma visão mais holística (envolvendo outros campos do conhecimento) sobre esse assunto. A partir da linha de pesquisa intitulada Artes musicais – processos criativos e subjetividade, o grupo se dedica aos estudos sobre os elementos que compõem os processos criativos em música, envolvendo o estudo da música em seus aspectos educacionais, psicológicos, históricos, culturais e sociais. Busca-se, nessa linha de pesquisa, compreender as relações do ato criativo no interior da subjetividade e intersubjetividade humana. O grupo ainda se encontra na fase inicial de trabalho. Contudo, a pesquisa já está acontecendo desde 2013 e seus resultados foram publicados em periódicos nacionais – revista ABEM – e internacionais – revista (Pensamiento) (palavra) y obra e revista Literacy Information and Computer Education Journal (LICEJ). Além disso, a pesquisa está gerando uma base de práticas de criação musical como produto de inovação tecnológica. Tais práticas foram apresentadas em congressos internacionais na Argentina, Costa Rica, Irlanda e China.

Mais Informações:  Espelho do Grupo.