Grupo multi disciplinar para desenvolvimento de processos tecnológicos assistidos por plasma, estudos em fusão nuclear e para uma formação acadêmica superior.

O PlasmaSul liderado pelos professores Magno Pinto Collares e Carlos Prentice-Hernández tem como objetivo o desenvolvimento de processos tecnológicos assistidos por Plasma. As áreas de interesse do grupo estendem por várias áreas do conhecimento, como as engenharias, química, física e a biologia. O ponto de convergência dos pesquisadores que compõe o grupo é a utilização dos vários plasmas em processos de materiais, processos biológicos e químicos, além do estudo da física dos plasmas. O plasma como meio reativo promove transformações nestes processos que não seria possível por nenhum outro meio. Trazendo benefícios tecnológicos e de custo de processos atraentes para a industrialização dos processos e produtos.

Outra linha de pesquisa do PlasmaSul está ligada a fusão termonuclear controlada. O Tokamak Nova possibilita estudos de confinamento magnético de plasma de alta energia. Estudos das características termodinâmicas, de transporte, turbulência e instabilidades estão sendo iniciados. A formação de estudantes nos níveis de graduação, mestrado e doutorado é prioridade nos desenvolvimentos das pesquisas científicas e tecnológicas.